Pequena coreografia do adeus #Resenha

Esse livro "Pequena coreografia do adeus" da autora Aline Bei foi lançado pela Companhia das Letras em abril de 2021. Antes do lançamento do livro, a Companhia das Letras convidou alguns dos parceiros dela para participar de uma conversa literária com a autora para sabermos mais sobre a obra. Esse tipo de conversa é feita pelo Zoom e onde tiramos todas as dúvidas com a autora de como foi a escolha do título, capa, personagens. Bate papo super descontraído e animado. A Aline Bei é um doce de pessoa. Super acessível, amorosa com todos os leitores dela. Sabe cativar as pessoas. Assim que eu gosto de uma autor, gente como a gente! Sem frescura nenhuma, pois tem uns por aí... Misericórdia.

Não li ainda o “O Peso do pássaro morto” que foi o livro de estreia da Aline Bei, então fui ler o Pequena coreografia do adeus sem noção da escrita da autora, fiquei encantada como a Aline Bei escreve uma prosa com uma poesia de tirar o fôlego! O livro conta a história de Júlia Terra que ainda criança vê seus pais separarem e ela nesse conflito do abandono. Ela cresce e vira uma adulta carregada com os medos e angústia da infância interrompida. 

Trabalha em um café, e vai morar sozinha em uma pensão comandada por uma argentina. Seu maior sonho é ser uma escritora. Júlia tem uma dificuldade incrível de se relacionar e vive sozinha. Não consegue se dar bem nem com os seus pais. Sua mãe é uma pessoa extremamente amarga e acaba passando isso para a filha. Seu pai se relaciona com outras mulheres e mantém com a filha encontros esporádicos. Júlia é aquela jovem que cresce sem o amor dos pais e tem que amadurecer cedo demais.
A escrita da Aline Bei é uma delícia de ler. Entramos na alma da personagem e sofremos com ela seu abandono. Dá vontade mesmo de colocar Júlia no colo, amparar e dar muito carinho. Leitura forte, real. Recomendo muito. Daqueles livros que não sai da cabeça. Leiam! Ah, e tem o audiobook desse livro narrado pela própria autora, voz mega doce e meiga. 

Beijos doces 
Adriana Balreira

4 comentários:

Pedrita participou com o comentário número:

ah, eu queria muito ler o do pássaro. até vi uma entrevista sobre esse q quero ler tb. estou em falta com a autora. beijos, pedrita
http://mataharie007.blogspot.com/

Pandora participou com o comentário número:

Que delícia saber que a autora que vem sendo tão celebrada pelos instagrans é uma pessoa acessível e afável, gente como a gente. Já restaura meu animo de ler "O peso do pássaro morto", que está repousando no meu kindle.

Tu resgatou das cinzas, ou da multidão dos livros não lidos, minha vontade de conhecer a escrita da Aline Bei. Que resenha gostosa, direta. Queria conseguir escrever assim... Ultimamente ando tão prolixa, sofrimento.

https://elfpandora.blogspot.com/

Luma Rosa participou com o comentário número:

Oi, Adriana!!
Foi o encontro promovido pela Chica e Dicas? Soube que foi emocionante. A Aline além de ótima escritora é tudo isso que você falou. Que pessoa generosa!!
Estou com o livro para ler! :=))
Beijus,

Adelaide Araçai participou com o comentário número:

Olá Adri...
Não conhecia essa autora, vou anotar a dica
Gratidão!
Muita Luz e Paz!
Abraços

Postar um comentário

Olá, adoro ler os comentários que vocês deixam.
Beijos
Adriana Balreira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...