31 de Maio - Visitação de Maria

Dia 31 de maio para os católicos é o dia da Visitação de Maria, dia de coroar Maria como Rainha. E para mim esse dia tem um significado maior. Era o dia do aniversário da minha Avó (mãe da minha mãe), e que todos os anos na casa dela tinha a coroação de Maria. E no colégio que eu estudava: Colégio da Imaculada Conceição, também fazíamos a coroação de Nossa Senhora nesse dia. Esse ano na Igreja que eu frequento a coroação foi no sabádo.

No evangelho de hoje (Lucas 1,39-56) é quando Maria visita a prima dela Isabel, que exclamou: "Bendita és tu entra as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre! Como posso merecer que a mãe do meu Senhor me venha visitar?" e Maria disse: "A minha alma engrandece o Senhor e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador..." .


Procurei na internet sobre a coroação de Nossa Senhora e encontrei esse texto retirado daqui :

É tradição dos devotos de Nossa Senhora finalizar o mês de maio com a cerimônia de Coroação de Nossa Senhora. Para o devoto, coroar Nossa Senhora é demonstrar que a reconhece como rainha. Rainha de um reino que não é o desse mundo, mas, sim, o reino sonhado por Deus para seus filhos e filhas. Na história da vida humana de Jesus, Maria tem o papel fundamental. Seu "sim" sela a encarnação do Filho de Deus como homem e com sua aceitação ela demonstra que é possível uma pessoa fazer de sua vida uma constante escuta da vontade de Deus.

Maria: filha, mulher, mãe. Filha de pais fiéis a Deus, recebeu deles a educação que lhe abriu o coração para conhecer o Pai do Céu e escutar-Lhe as palavras. Mulher, engajou-se no seu tempo a prestar atenção aos anseios daqueles que a cercavam e soube fazer de seu serviço uma interceder contínuo pela humanidade. Mãe, constituiu a personalidade de seu único Filho, ensinou-lhe os passos e fundamentou seu conhecimento de Deus com aquilo que lhe era revelado. Maria humana, gente, pessoa, que com todas as limitações próprias de sua natureza pode dizer "sim" e ensinar à humanidade a também dizer "sim".

Por isso reconhecê-la como rainha é dar um lugar de destaque à humanidade daquela mulher que enveredou por um caminho desconhecido pelo puro amor a Deus. Mulher que sentiu a dor do parto, a dor da partida, a dor da perda. Mulher que trabalhou, que cuidou de sua família, que acompanhou a lida do outro como aquela que oferece o descanso e o alimento. Mulher que recebeu de seu filho o beijo carinhoso, o reconhecimento do colo, o sorriso cúmplice daqueles que partilham o mesmo entendimento do mundo. Por sua "humanidade humana" Maria se torna rainha: por ser o exemplo capaz de mostrar a cada um de nós que é possível chegar ao reino que Deus nos prepara. Basta dizer que sim, que em minha vida seja feita a vontade do Senhor.

“Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a sua vontade” (Lc 1,38). Agradecemos a Deus o sim de Maria e sua total fidelidade ao Senhor. Ao gerar o Filho de Deus, é como se deixasse de lado a sua humanidade e se tornasse divina.

Beijos
Adriana Balreira

3 comentários:

Fabiana Tardochi participou com o comentário número:

Esse ano não participei:(
Mas todos os anos na Igreja que frequento a festa da coroação é linda e é feita pelas crianças da catequese. Arranca lágrimas, viu:)
Beijos

Telma Maciel participou com o comentário número:

Dri, estudamos no mesmo colégio, rs. De verdade, eu estudei no Liceu (= Colégio) Imaculada Conceição. Participei de uma coroação qndo estava na 3º ou 4ª série, nem lembro... agora foi Sofia, olha qto tempo depois! Pq nesse meio tempo eu nem ouvi notícia de coroação!
Foi bonito. Foi tbm uma homenagem para as mães.
Beijos

Faniquito participou com o comentário número:

Ah esse mes de maio é um mes muito especial .Frequento a Paróquia do Sagrado Coração de Maria e esse mes foi todo de homenagens a ela.Muito bom Saber e confiar na nossa mãezinha do céu,né.

Beijinhos

Ana

Postar um comentário

Olá, adoro ler os comentários que vocês deixam.
Beijos
Adriana Balreira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...