Flores #Resenha

Sim!! Eu escolho livros pela capa! Complicado fazer isso, as vezes o conteúdo não condiz com a beleza estampada na capa. Mas não pude resistir a essa capa lindíssima do livro Flores do autor português Afonso Cruz que a Companhia das Letras lançou. Olhem se não tenho razão? 


Site | Facebook | Twitter  | Instagram 

O livro começa com a morte de um pai, do jornalista que é casado e tem uma filha pequena. No prédio onde mora, habita o senhor Ulme que em uma visita ao jornalista comenta que nunca vira um mulher nua. O jornalista fica horrorizado com essa declaração e vai ajudar o Sr. Ulme a lembrar se realmente isso jamais aconteceu no passado. O relacionamento conflituoso do jornalista com sua esposa, acaba fazendo o jornalista a se empenhar em ajudar a esse homem sem memória. O jornalista acaba se separando da sua esposa Clarisse e sua relação com sua filha se desgasta, apesar de ser tão pequena.

Um livro super terno, que nos mostra realidades tão diversas. Um homem que não recorda que amou uma mulher e o outro que não dá valor ao amor, se envolve com a rotina de vida e suas relações afetivas se deterioram sem ele tomar conhecimento.  O nosso protagonista, o jornalista, é um homem extremamente infeliz, perdido, mas com o envolvimento com a busca do passado do vizinho, vai se humanizando, amando e melhorando como ser humano.


Amei o livro, e dessa vez a capa fez jus ao conteúdo do livro. Um livro para ler não somente pela estória do Sr. Ulme tentando resgatar seu passado, mas sobretudo pelas reflexões que o autor Afonso Cruz nos faz fazer. Não conhecia esse autor e fiquei sabendo que o livro Flores ganhou o Prêmio Literário Fernando Namora, que é um prémio literário instituído pela Sociedade Estoril Sol, em homenagem ao escritor com o mesmo nome. O prémio é entregue anualmente a uma obra de ficção (romance ou novela), de autor português, desde 1987 (embora só entregue pela primeira vez em 1989). Vou procurar mais livros desse autor. Gostei do jeito dele escrever. Boa pedida!

Beijos floridos
Adriana Balreira

7 comentários:

Andréa Santana participou com o comentário número:

Hello, Adriana!
Espero que esteja se recuperando bem da cirurgia.
A capa é mesmo linda, gostei da resenha.
Eu tbm não conhecia o autor.

Beijinhos, ótima semana ♥

Lulu on the sky participou com o comentário número:

Deve ser um livro bom para refletir sobre o amor.
Big Beijos,
Lulu
BLOG | CANAL

piteis da dinha participou com o comentário número:

Oi Adriana, bt!
Eu também já comprei muitos livros pelas capas e me arrependia amargamente, hoje já não faço mais isso. Gostei da dica!
Amiga, eu não sabia que vc passou por uma cirurgia e espero que já esteja tudo bem com vc.
Bjss

Pedrita participou com o comentário número:

ah, eu tb escolho livros pela capa e a desse que leu é linda mesmo. eu tenho um amigo blogueiro português que fala de literatura e nós sentimos falta de conhecer mais as obras de escritores patrícios. então começamos a nos aprofundar mais na literatura dos países vizinhos. eu amei a capa e o fato de ser um autor português me interessou muitíssimo. falei de livro tb no meu blog. beijos, pedrita

Tijana Momcilovic participou com o comentário número:

nice post dear :)
kisses :)

http://itsmetijana.blogspot.rs/

Zizi Santos participou com o comentário número:

Oi Adriana
você sintetiza a leitura do livro de uma forma tão gostosa que dá vontade de ler!
Quem Lê com frequência já sabe escolher pela capa. Deve ser como analisar um perfume pelo frasco. Bonito e de aroma perfeito !
A capa desse livro é realmente bonita !
bjs Adri

Betty Gaeta participou com o comentário número:

Oi Adriana,
A estória parece ser fascinante e a capa é linda mesmo!!! Tb compraria.
Bjs

Postar um comentário

Olá, adoro ler os comentários que vocês deixam.
Beijos
Adriana Balreira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...